skip to Main Content

Sudy app

O maior aplicativo de Sugar Daddy dos EUA chegou ao Brasil

Depois de ajudar milhões de estudantes dos EUA a pagarem suas mensalidades, o principal aplicativo mundial de Sugar Daddys, Sudy, está aqui para oferecer a mesma oportunidade no Brasil.

Cheios de dívidas e com altos custos de vida, mais e mais estudantes estão buscando alternativas para ganhar uma renda extra; Por outro lado, jovens mulheres atraentes estão atravessando a crise de outra maneira, tornando-se sugar babies.

“Sugarbaby” e “Sugardaddy” não são termos desconhecidos. Para aqueles que não estão acostumados a esse fenômeno, é basicamente um acordo em que as jovens mulheres bonitas oferecem companheirismo em troca de dinheiro, presentes caros e feriados exóticos.

Embora a prática seja comum nos países como Estados Unidos, Reino Unido, Canadá e Austrália, onde plataformas como a Sudy já conquistaram milhões de membros desde o seu lançamento, outros países como o Brasil têm visto este conceito crescer em popularidade, graças ao aparecimento da Internet.

No passado, Sugar babies tinham que interagir com os seus parceiros em bares ou baladas, o que tornava as coisas difíceis e desconfortáveis. Agora, em minutos, é possível criar uma conta e deixar a mágica acontecer online.

  

Segundo Kurt Hou, fundador da Sudy Limited, atualmente o site mais popular de sugar daddy nos EUA, “há um número crescente de usuários registrados na região da Ásia e da América do Sul, especialmente na Tailândia, Japão, China, México e Brasil”.

Kurt acredita que jovens mulheres em países em desenvolvimento estão adotando rapidamente este conceito porque são atraídas pelo estilo de vida exótico e glamoroso, e todas as vantagens que vêm com ele. “As decisões são baseadas nos termos escolhidos pelas mulheres, como o tipo de parceiro procurado e os estilos de presentes que gostariam de ganhar.”

Ao contrário de outros aplicativos de relacionamento, a Sudy adota um estilo semelhante ao Tinder, permitindo que os usuários deslizem para a esquerda ou direita para “Passar” ou “Curtir” seus pretendentes de forma anônima. Para se tornar um membro verificado, as “Sugar Babies” podem registrar-se com o seu email edu.com para verificação de identidade. Já os “Sugar Dadies” terão que registrar o seu passaporte para comprovar o cadastro.

Quando perguntado sobre quais tipos de pessoas fazem parte da Sudy, Kurt Hou afirma que a maioria dos utilizadores são estudantes universitárias à procura de um parceiro mais velho. “Muitas estudantes enviam feedback positivo e por isso nós estamos querendo atrair mais estudantes do Brasil.”

Contacto: Woody

Email: woody@sudyapp.com

Skype: woody.ee

Website: here

Press kit: here

Aplicativo Android: here

Aplicativo  iOS: here

Back To Top